6 tecnologias que vão ajudar na redução dos custos logísticos

Se você deseja ganhar espaço no mercado de transporte e ainda ter um bom desempenho, com redução dos custos logísticos, a ordem é investir em tecnologia! Você pode modernizar a sua operação logística com investimentos baixos e escolhendo soluções alinhadas com o perfil da sua empresa e dentro da sua capacidade de investimento. Continue a leitura do nosso post para saber mais!

Tecnologias para redução dos custos logísticos

Separamos para você 6 tecnologias que vão ajudar na redução dos custos logísticos do seu negócio. Que saber mais? Então continue a leitura!

1. Informações com a telemetria

A telemetria é uma ferramenta que fornece dados e controles relacionados ao desempenho do motorista, veículo e da operação, por meio de vários sensores instalados no veículo.

O mercado oferece dois tipos de telemetria: a digital e a analógica. A tecnologia digital é passível de instalar nos veículos mais modernos, com ano de fabricação a partir de 2009. Essa tecnologia oferece muitas vantagens para uma gestão de frota eficiente, como:

  • contabilizar o tempo que o veículo ficou parado;
  • revelar a distância percorrida pelo veículo;
  • identificar se o veículo está acima da velocidade permitida;
  • monitorar freadas bruscas;
  • fornecer dados de consumo de combustível;
  • fornecer relatórios para verificar a jornada de trabalho do motorista.

Com a utilização da telemetria, existe um aumento na segurança dos motoristas e o gerenciamento da frota fica mais simples, pois é possível identificar onde existe possibilidade de redução de custos logísticos.

2. Eficiência com o roteirizador de carga

O roteirizador é um sistema que ajuda as empresas de transporte de cargas fracionadas, que têm distribuição de produtos em vários locais diferentes.

Com a roteirização é possível:

  • fazer o planejamento das melhores rotas de entregas das mercadorias, avaliando o percurso/trânsito;
  • ter precisão no dimensionamento do tamanho do caminhão por meio do volume de carga, diminuindo o tempo de embarque da mercadoria e reduzindo custos;
  • monitorar o roteiro de entrega. Como isso, a empresa consegue melhorar o gerenciamento de pessoal e da frota.

3. Segurança com o rastreador de frota

O rastreador de frota é um sistema usado para localização da carga e tem como objetivo monitorá-la em tempo integral, por meio de tecnologias via satélite GSM/GPRS e radiofrequência. Para isso, são utilizados computadores, smartphones e tablets.

Com essa tecnologia, é possível aumentar a segurança do veículo e da carga, já que o rastreador torna possível que sejam enviados alertas e bloqueio de veículos, ao se constatar algum risco.

4. Monitoramento de carga via mobile

Atualmente as informações precisam ser eficientes e rápidas, já que os clientes estão, a cada dia, mais exigentes. O monitoramento de carga surgiu para atender à demanda dos clientes de saber, em tempo real, onde a carga está. E isso se tornou possível por meio de um aplicativo.

No ato da entrega, o motorista colhe a assinatura do recebedor, fotografa a mercadoria e preenche no sistema os dados necessários. O gestor da frota e o cliente são notificados com a informação em tempo real.

5. Facilidade com os sistemas de gerenciamento de armazéns (WMS)

Os sistemas de gerenciamento de armazéns (WMS) administram fluxos de entregas, armazenagem, separação e expedição de mercadorias e recebimentos, definindo com facilidade a localização dos produtos dentro do depósito.

É uma ferramenta de grande eficiência, que funciona por meio de softwares que melhoram as operações do armazenamento, com um alto nível rastreamento e controle da movimentação dos produtos.

6. Segurança com os inventários rotativos

Um pacote de soluções tecnológicas não estaria completo sem os inventários rotativos. A efetivação da prática de auditorias e inventários constantes no centro de distribuição será a responsável por assegurar a precisão do estoque. Para isso, é necessária a integração eficiente e uso das seguintes soluções:

  • coletores de dados;
  • WMS;
  • um Enterprise Resource Planning (ERP), que torna possível essa funcionalidade sem a paralisação das vendas.

Os custos logísticos serão reduzidos pelo fim dos cortes de mercadorias por inconsistência entre sistema e físico. Além disso, será possível fazer auditorias de imediato para qualquer divergência identificada, o que evita a ampliação do problema, inibindo qualquer possibilidade de desvio por descontrole.

Outra vantagem é a facilidade na manutenção prévia da organização do Centro de Distribuição, gerando mais eficiência em toda produção. Ou seja: uma logística muito mais produtiva, com redução de erros de operação, que se revela, de forma imediata, em redução dos custos logísticos, no médio prazo. Isso será convertido em aumento de faturamento, pois a qualidade será percebida pelo cliente.

Novas tendências no mercado de tecnologia

Algumas soluções tecnológicas para redução dos custos logísticos estão sendo testadas no mercado. Contudo, ainda não estão sendo comercializadas. Mesmo assim, é interessante que você as conheça. São elas:

Telas de bloqueio

São instaladas nas repartições das cargas para garantir a segurança delas. Podem ser acionadas por meio de sensores, controles remoto ou de modo manual.

Smart truck

Um dispositivo instalado nos veículos permitirá rastrear um pallet desde o momento da carga, durante o deslocamento e até a chegada ao destino da entrega. Essa tecnologia também gerará relatórios de emissões de CO2.

Monitoramento de caminhões com drones

Essa tecnologia tem a intenção de garantir a segurança no transporte de cargas, identificando paradas não programadas e ligando o botão de pânico em caso de emergência.

Atual cenário logístico no Brasil

Apesar de algumas empresas terem impasses para efetivar a inovação tecnológica, pela falta de planejamento e infraestrutura, é relevante destacar a evolução da logística nos processos de qualidade de produção, quando o assunto é tecnologia de transportes.

A eficiência e rapidez proporcionada por essas tecnologias auxiliam na redução de custos logísticos e otimizam o transporte rodoviário. Utilizar as ferramentas certas, que atendam às necessidades de cada transportadora, é essencial para uma melhor performance da funcionalidade nas operações das empresas de transporte.

Dessa forma, não existem dúvidas que o transporte tem muito a ganhar com as ferramentas tecnológicas, já que a evolução dos equipamentos, e resoluções como a multimodalidade (integração de diversos modais de transporte) e a intermodalidade têm sido importantes para a redução dos custos de transporte.

O que você achou deste artigo sobre 6 tecnologias que vão ajudar na redução dos custos logísticos? Assine nossa newsletter para ter acesso a mais conteúdos como este!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

16 + 6 =

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial